RSS

Arquivo do autor:manauara

Sobre manauara

Bilingue de português e japonês, aqui neste espaço, vou anotando os acontecimentos atuais da Usina Nuclear Dai-ichi de Fukushima que estão nos tópicos do dia.

Escócia – Baleias encalhadas na região de Loch Carnan

Vi as noticias sobre as  Baleias encalhadas na região de Loch Carnan  na Escócia e  erupção do vulcão na Islândia e não me sai da cabeça, a correlação entre baleias ou golfinhos encalhados (em grande quantidade) antes de grandes terremotos.

Aqui no Japão há muitos estudiosos que fazem a premonição de terremotos, através de observação dos fenômenos naturais como as nuvens, ondas magnéticas e anormalidades que ocorrem nos animais antes do terremoto.

E, sem querer associar as coisas com má intenção, sinto a necessidade deixar anotado aqui, o que aconteceu antes dos grandes terremos mais recentes, a da Nova Zelândia e do Mega-terremoto que atingiu a costa leste do Japão;

Em 21/02/2011 – 107 baleias de pequeno porte morrem depois de encalharem na costa da Nova Zelândia   —>  22/02/2011 – Terremoto em Nova Zelândia.

Em 05/03/2011 – 50 baleias encalhadas na costa de Ibaraki  —> 11/03/2011 –  Grande terremoto na costa leste do Japão.

Ontem, 21/05/2011 – encalharam cerca de cem baleias na Escócia, e pelo visto, baleias de águas profundas.

Sei que ocorreram muitos outros encalhamentos de baleias em diversos outros lugares, mas assim como os repteis, ratos, sapos etc., captam algum sinal da terra, os pesquisadores acham que as baleias e os golfinhos captam sinal como ondas no oceano e perdem o rumo por causa destas ondas…

Nao se sabe ao certo o que ocorre, mas ‘e sempre bom ficar atento ao que a natureza nos transmite….

 
2 Comentários

Publicado por em 22/05/2011 em Diversos

 

Shinkansen reduziu a velocidade e parou a salvo graças à detecção precoce em Miyagi

Condições de funcionamento do Touhoku-Shinkansen (trem-bala da Linha Touhoku) no momento em que ocorreu o grande terremoto a costa leste do Japão.

 

Segundo as análises efetuadas pela JR Leste do Japão, o sistema de detecção precoce de terremotos do trem-bala da Linha Touhoku (Touhoku Shinkansen ) instalados na costa do Oceano Pacífico emitiu alerta de emergência de 12 a 73 segundos antes de fortes tremores alcançarem  ao longo da ferrovia.

Haviam 5 trens operando na área atingida, numa velocidade a cerca de 270 km/h, porém o fornecimento de energia foram suspensos e os freios de emergência acionados antes de ocorrer os tremores com intensidade acima de 5 graus. A redução de velocidade estimada foi de 30 a 170 km, parando com segurança todos os trens.

Segundo a JR Leste do Japão, o sismógrafo instalado em Kinkasan (Cidade de Ishinomaki/Miyagi) captou o movimento sísmico principal (ondas S) acima de 120 Gal às 14:47:03, emitindoas informações como o epicentro e o tamanho do terremoto para os sismógrafos de cada subestação ao longo da ferrovia. Na ocasião haviam 18 trens operando entre Tóquio – Aomori e dentre estes, entre Shinshirakawa (Fukushima) – Ninohe (Iwate) onde foram duramente atingidos, haviam 10 trens operando e 5 estavam com velocidade acerca de 270 km/h.

Entre o momento da suspensão de fornecimento de energia e o acionamento dos freios de emergência há um intervalo de 3 segundos, mas o [Yamabiko No 61] que estava operando a 265 Km/h  nas proximidades de Sendai que foi atingido por terremoto fortíssimo, iniciou a redução de velocidade para a parada de emergência 9 segundos antes de ser atingido pelo tremor mais agudo, tendo reduzido 30 km da velocidade.

Além deste, o [Yamabiko No 63] que estava operando a 270 k, nas proximidades de Koriyama em Fukushima, o freio de emergência foi acionado 70 segundos antes, reduzindo cerca de 170 km. Já o [Hayate No 26] que estava nas proximidades de Nihonmatsu em Fukushima, onde a aceleração do sismo chegou a 690 Gal, reduziu de 270 km para cerca de150 km/h.

A aceleração máxima do sismo foi observado entre o Planalto de Kurikoma (Miyagi) e Ichinoseki (Iwate) onde o sismógrafo de Shin-Arikabe registrou 1.278,7Gal e que depois disso a agulha extrapolou ficando impossibilitado de efetuar a medição.

A JR Leste do Japão solicitou avaliação mais detalhada aos especialistas, por terem chegado à conlusão nas suas análises, de que o mecanismo de geração e a magnitude do terremoto foi muito além do esperado, tendo grandes possibilidades do sismógrafo não ter captado as ondas P (tremores iniciais) que são emitidas primeiramente, por terem sido fraquíssimas. A detecção das ondas S, antes de serem atingidos por fortes tremores intermitentes é que levou ao sucesso.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20/05/2011 em Diversos

 

[Manual de conduta quando você se deparar com terremoto]

Complementando a postagem anterior 【CONDUTAS NA HORA DO TERREMOTO】, aqui vão mais informações sobre a conduta ao se deparar com terremoto.

Primeiramente, fiquem cientes de que pela estatística dos terremotos comuns ocorridos até hoje, os tremores não duram mais que 1 minuto*. Mantenha sobretudo, a calma.

*Há exceções!!! No caso do Mega-terremoto de 11/Mar, 3 terremotos com epicentros diferentes ocorreram sucessivamente, e o tremor durou cerca de 5 minutos até cessar.

Se durante o terremoto você se encontrar:

 EM CASA

– Durante o tremor, se for possível, abra a porta ou janela para assegurar a saída. Pois as portas e janelas poderão se travar em decorrência de distorções causados pelo terremoto.

– O lugar relativamente seguro dentro de casa, é no sanitário.

– Proteja a sua cabeça com almofada, colchão ou qualquer outro objeto e saia da frente de estantes e armários que possam cair.

– quando os tremores cessarem, dê prioridade em apagar o fogo e desligar o gás antes mesmo de salvar alguém. Pois o fogo poderá se propagar enquanto estiver salvando alguém, causando incêndio em dimensões maiores.

– Quando for deixar a casa, se possível, deixe o disjuntor desligado. Pois quando a energia voltar, poderá soltar faísca e causar incêndio caso tenha vazamento de gás.

– Se a casa estiver salvo, armazene água enquanto puder. Pois poderá faltar água.

RECOMENDAÇÔES

– Mantenha nas proximidades da cama, um par de calçados de solado forte. Pois muitas vezes no terremoto, não há tempo para correr até a entrada da casa, e talvez tenha que evacuar pela janela. E lá fora poderá ter muitos cacos de telhas e vidros.

– Deixe combinado com os familiares onde se encontrar após o terremoto, é recomendável deixar um ou mais locais marcados para o encontro. Pois nem sempre a família estará junto quando ocorrer o terremoto, e os telefones ficam incomunicáveis por um bom tempo.

– Não use carro para evacuar durante a catástrofe! Estacione o carro em lugar seguro e deixe a rua desempedido. Se sair dirigindo, além de correr o risco de causar acidentes secundários por estar aflito no volante, poderá causar engarrafamento nas ruas, atrapalhando o trabalho de salvamento dos bombeiros e o trânsito de ambulâncias.

NA RUA
– Se estiver em área urbana ou seja, na rua, ao deparar com o terremoto tome os seguintes cuidados:

1- Cuidado com os objetos que caem dos prédios. Podem cair cacos de vidros, placas comerciais, telhas e etc.. proteja a cabeça com bolsa ou qualquer outro objeto.

2- Cuidado com fios elétricos comuns e de alta tensão, que pódem cair ou podem estar caídos no chão.

3- Cuidado com os muros, postes, máquinas de bebidas que poderão cair fácilmente.

4- Fique atento porque poderá vir carro descontrolado pelo tremor.

5- Saia das proximidades de rachaduras e afundamento do solo.

6- Saia da beira de rios e mar.

– Se o grau do terremoto for acima do 4 na escala Richter e você estiver nas proximidades do mar, pode ter a certeza de que virá o maremoto. Fuja imediatamente para lugares mais elevados.

– Se você estiver dentro do elevador, os elevadores mais modernos tem o sistema de parada de emergência que pára o elevador no andar mais próximo. Se estiver num elevador mais antigo, aperte todos os botões e desça onde parar, para descer o restante pelas escadas.

– Se por um acaso ficar trancado dentro do elevador, fique ciente de que poderá demorar a vir o salvamento, por isso, evite consumir a sua energia a toa gritando em demasia. Continue insistindo na chamada de emergência, apertando o botão de emergência e continue chamando pelo telefone de emergência.

– Se estiver na escola ou no escritório, entre debaixo de mesa ou proteja a sua cabeça com bolsa ou outros objetos. Siga as instruções dos professores ou das regras de evacuação.

– Se você estiver num prédio comercial, não corra para a saída! Não se deixe envolver no fluxo de pessoas. As pessoas em pânico poderá causar desastres secundários durante o empurra-empurra caindo um sobre o outro como se derruba dominó.

– Se estiver num shopping-center, saia de perto das vidraças de exposição das lojas e tente ir para perto de paredes firmes. Depois, siga as instruções dos funcionários.

– Se estiver na área comercial subterrânea, cuidado para não se envolver no alvoroço do pânico por estar no subsolo. Estas áreas são projetadas com maior segurança contra tremores, e muitas vezes o tremor é bem menor que na superfície.

– Se você estiver no metrô, não entre em pânico, pois dentre os transportes públicos existentes, o metrô é um dos mais seguros. O tremor é a metade do que se sente na superfície da terra e além disso o sistema de segurança contra incêndio é organizada. Não corra para fora, poderá causar desastre secundário como machucar as pessoas no empurra-empurra causando quedas como se derrubam dominó.

– Se estiver no trem no momento do tremor, segure-se para não cair. E mesmo que o trem páre, não saia imediatamente para fora do trem, pois poderá ter alguns outros trens funcionando, correndo o risco de ser atropelado. Além disso, por sair do trem, poderá causar a parada total do sistema de transporte ferroviário, que neste caso, o funcionamento será reiniciado somente depois de conferir se não há ninguém nos trilhos – trabalho este, que requer muitas horas.

***************

Na ocasião do Tsunami que atingiu muitas áreas a beira-mar do nordeste do Japão em 11/03, muitos não tiveram nem 10 minutos para fugir para um lugar mais alto. Além das pessoas que perderam a vida sem chances de fuga por terem ficado presas debaixo de casas que desabaram, muitas vidas se perderam por que as pessoas voltaram para dentro de suas casas à busca de objetos pessoais ou de roupas e alimentos para se refugiar… e nesse meio tempo, o Tsunami avançou arrastando bairros e cidades inteiras.
Por isso, por favor, quem estiver próximo ao mar, ao se depararem com tremores fortes, não hesitem em fugir imediatamente para o alto. O importante é sobreviver!

Deus queira proteger a todos nós e que esses tremores secundários cessem o mais breve possível…Pois ainda hoje, continuam os pequenos tremores que quase não sentimos. E há previsões de ocorrer terremotos de grande escalas nos próximos anos. Digo nos próximos anos mas pode ser hoje, pode ser amanhã…sabe lá. Melhor se prevenir que remediar..

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/05/2011 em Diversos

 

【O QUE DEVE PORTAR SE FOR NECESSÁRIO SE ABRIGAR】

 Abaixo, a lista do que se recomenda levar consigo.

□ Dinheiro
□ Dcumentos de identidade
□ Carteirinha do Seguro de Saúde, Carimbo
□ Água potável (mai ou menos 3 litros por pessoa/dia
□ Alimentos emergenciais (enlatados, doces) *1
□ Telefone móvel e recarregador de emergência (a pilha)
□ Lenço de paepel
□ toalhas (cerca de 5)
□ Lanterna *2
□ Rádio
□ pilhas de reserva
□ Aaquecedor portátil (tipo cairo, ou de água quente) , jornais, objetos para se proteger do frio.
□ capa de chuva, guarda-chuva
□ luva
□ isqueiro
□ pincel atómico a óleo (serve para escrever, fazer fogo na falta de isqueiro)
□ Fita gomada (p/ uso diverso)
□ Chapéu *3
□ Cobertor ou cobertor de alumínio. *4
□ óculos *5
□ Remédio de uso diário
□ Produtos sanitários como absorvente higiênico (sem falta) *6
□ mascara (para se proteger do frio e fumaça)
□ sacos de lixo (os sacos grandes servem para se rpoteger do frio e da água, e como recipiente)
□ Saranwrap
□ Furoshiki (pano para embrulhar (uso diverso))
□ elástico (alguns)
□ Fotos da família (sera útil quando se perder)
□ Apito (aumenta probabilidade de sobrevivência)
□ Aparelhos de música (para se acalmar, melhor ainda se tiver radio)
□ Alcool ou pano umedecido com álcool (p/higienização)
□ Colxão (se possível, servirá p/proteger a cabeça)
□ Abridor de lata, canivete (se tiver que viver temporáriamente em abrigo)
□ Manual de primeiros socorros (p/ emergência)

*1. No verão o sal é um suprimento importante. Chá verde e própolis tem efeito de desinfecção. Além dos  temperos, chá e café ajudam a ralaxar e acalmar.

*2. Use diversos tipos por aplicação. (Lanterna de cabeça desocupa as mãos, Maglite é forte e poderá servir como ferramenta, lanterna de mão que ilumina pequena área).As lanternas tipo LED economiza a pilha.

*3. O chapéu poderá server como uma proteção minima para cabeça, e também, servirá para esconder o cabelo sujo, caso não tenha como tomar banho por muitos dias. Há quem diga que ninguém se preocupará com o cabelo na hora da emergência, mas há opinião dos que já tiveram a experiência, de que é estressante quando tem que permanecer em abrigos ou quando tiver que lidar com outras pessoas.

*4. Talves alguns já tenham visto, é uma folha leve de alumínio, leve e compacto, que faz o isolamento térmico de cerca de 90 %. Estão sendo vendidas também nas lojas de 100 ienes.

*5. Para as pessoas que usam lentes de contato/óculos, recomendamos mantê-los na cabeceira. Sem óculos não poderá ver cacos de vidros e etc.Para se abrigar, melhor usar lentes de uso diário.Muitas vezes, óculos se perdem na hora do tremor, por isso é recomendável mantê-la dentro do porta-óculos e colocar debaixo do travesseiro.

*6. Mantenha sempre preparadas, os produtos sanitários. Mesmo não estando no período da menstruação, há pessoas que ficam menstruadas pelo estresse do terremoto. Além disso os absorventes podem servir como torniquete. Avise sobre o uso provisório ao pessoal médico quando for entregar a vítima.
Não sobrestime a quantidade da perda de sangue, com o engano poderá agravar a situação.
O absorvente de uso diário será muito útil, quando não poder tomar banho e lavar as roupas íntimas por alguns dias.

* EXTRA – na emergência, é possível retirar dinheiro do banco com a apresentação do documento de identidade, mesmo não tendo em mãos a caderneta do banco.

【Informação oficial da NTT】
Nos locais atingidos, os telefones público tem a preferencial para efetuar ligações.
Durante o desastre, os telefones públicos estão liberados gratuitamente. Porém não é possível fazer ligações internacionais.

・ No telefone público análogo verde, aperte o botão de emergência ou coloque uma moeda de 10 ienes. Ao terminar a ligação, a moeda retornará.
・ No telefone público digital não será necessário colocar cartão ou moedas, é só tirar o fone do gancho para fazer a ligação.

【Discagem para mensagens de emergência】
◆Para as vítimas
1. Disque [171];
2. Aperte [1];
3. Disque o seu próprio número de telefone residencial ou fixo.
4. Grave a mensagem.

◆Para quem quer saber da sua segurança.
1. Disque [171];
2. Aperte [2];
3. Digite o número de telefone da pessoa a quem procura
4. Escute a mensagem gravada.

【Localizador de pessoas da Google】
O site da Google http://japan.person-finder.appspot.com/?lang=ja

【Quadro de avisos no caso de desastre】
au http://dengon.ezweb.ne.jp/service.do
docomo http://dengon.docomo.ne.jp/top.cgi?es=0
softbank http://mb.softbank.jp/mb/information/dengon/index.html
Willcom http://www.willcom-inc.com/ja/info/dengon/
I mode http://www.nttdocomo.co.jp/info/disaster/
NTTLeste http://www.ntt-east.co.jp/saigai/voice171/
Quadrode aviso em banda larga (broadband) https://www.web171.jp/

Sinais para aviação civil internacional
Escrevam o sinal em lugar visível como em lajes, para serem avistados por aviações.

LL (Todos a salvo) 

I (Necessidade de médicos) 

II (Necessidade de medicamentos)

F (Necessidade de alimentos  

□ (Necessidade de mapas etc)

 ↑(Siga este rumo)

 X (Impossibilitado de avaçar) 

△(Possível pousar) 

Y(YES) N(NO)

【hashtags de SOS do Twitter】
Twittear com sistema de GPS com o seguinte tag
#j_j_helpme

【Contato de SOS】
Polícia 110
Ambulância e Bombeiros 119
Desastre no mar 118 (Guarda costeira)

 
1 comentário

Publicado por em 13/05/2011 em Diversos

 

【CONDUTAS NA HORA DO TERREMOTO】

Abaixo, as informações básicas sobre condutas no terremoto. Antes de tudo, tente manter a calma.

SE ESTIVER DENTRO DE CASA

・ Abra a porta para deixar a saída livre – mas não saia correndo sem antes checar se não há objetos caindo (vasos, telhas etc.).

・ Proteja a cabeça – use almofada, colchão ou até mesmo com boneco de pelúcia etc.

・ Saia da frente de estantes e móveis grandes que possam cair.

・ Não se aproxime de janelas – para evitar que se machuquem com cacos de vidro.

・ Calce sapatos firmes de fundo espesso – para não se machucar com cacos de vidro ou escombros.

・ Fechar a válvula de gás – para evitar vazamento de gás e incêndio.

・ Se cair energia, desligue o disjuntor tomando cuidado p/não levar choque.

・ Os tremores secundários poderão ser sucessivos ou continuar por 24hs ou até mais.

CUIDADOS NA HORA DA EVACUAÇÃO

・ Não passe por perto de estantes, armários e geladeira que estejam prestes a cair;
・ Tome cuiado com vidros quebrados, telhas e muros caídos;
・ Parede inclinada ou rachada poderá desabar, saia de perto imediatamente!                                                  ・ Use capacete. Se não tiver, ponha uma revista na cabeça e enrole com uma toalha;
・ Evite usar roupas sintéticos e de algodão que são mais fáceis de quimar;
・ Se tiver fumaça ou poeira, use máscara ou proteja a boca e o nariz com toalha molhada.

AO SAIR PARA FORA
・ Evite fugir pelos becos, beira de barrancos, beira de rios e do mar;
・ Quem estiver próximo do mar, fujam imediatamente para lugares mais elevados;
・ Se tiver incêndio, fuja para barlavento (lado contrário p/onde corre o vento)
・ se estiver dirigindo, pare o carro no acostamento.
・ Quem tiver carro, deixe a janela aberta e o rádio no máximo (se puder, ou se for necessário).

【RECOMENDAÇÔES】

– Mantenha uma lanterna e rádio sempre dentro do alcance.

– Mantenha uma bolsa ou mochila preparada para emergência, com mantimentos e algumas mudas de roupa.

– Mantenha a bagagem de emergência perto da saída (se for volumoso, mantenha dentro de caixa na garagem)

– Mantenha o celular sempre recarregado.

【ANTES DO TERREMOTO】
Chequem os seguintes para se prevenir contra o terremoto.

□ Tem capacete?
□ Tem alimentos separados para emergência?
□ Tem água para emergência?
□ Tem conjunto de medicamentos para primeiros socorros?
□ Tem saco de dormir?
□ Qual o roteiro de fuga até o abrigo?
□ Durma de meia.
□ Mantenha um calçado de fundo espresso, nas proximidades.
□ Deixe a Cortina fechada (evita o vidro se espalhar)
□ Deixe toalha ou algo parecido na porta do quarto, para não travar a
porta.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/05/2011 em Diversos

 

Tepco Admite o “Meltdown” do reator No 1 da Usina Nuclear de Fukushima.

A empresa Tokyo Electric Power Company (Tepco) anunciou ontem, dia 12, que há possibilidade das varetas de combustível nuclear (4m de comprimento) terem se derretido por terem ficado totalmente expostos fora da água de resfriamento, caindo no fundo do vaso de pressão e posteriormente vazado junto com a água para a contenção, através de pequenos furos no fundo do vaso de pressão.

A Tepco admitiu a situação como “Meltdown” (fusão do núcleo de um reator nuclear) e está revisando do trabalho de resfriamento da contenção que estava planejado a sermr preenchendos totalmente com água (Submersão (Tonel d’água)). Com certeza haverá atrasos no trabalho de resfriamento e estão forçados a efetuar uma grande reformulação do cronograma para a convergência do acidente.

Até então, estavam supondo que o nível da água dentro do vaso de pressão estivessem entre 1,5 a 1,7m abaixo da extremidade superior da varetade combustível, mas o resultado da medição depois de consertar um medidor de água, descobriu que o nível de água está 5 metros abaixo.

Há grandes possibilidades dos combustíveis do reator 1 terem permanecido completamente expostos por um determinado período, abrindo pequenos furos nas partes soldadas da tubulação, vazando o combustível fundido para a contenção.

Como a temperatura superficial da parte inferior do vaso de pressão está relativamente baixo, entre 100 a 190 graus Celsius, a Tepco diz que o combustível está sendo resfriado (imerso em água).

O combustível que provavelmente vazou depois de fundido, está sendo resfriado sem haver aquecimento porque há água dentro da contenção, sendo baixo o risco de uma explosão de hidrogênio.

Sobre o nível da água dentro do vaso de pressão, segundo Hidehiko Nishiyama, porta-voz da agência de segurança nuclear japonesa, “uma parte (do combustível) está na parte de baixo, derretido, e está sendo bem resfriados (com água)”.

Até agora, a Tepco vinha estimando a percentagem de danos do núcleo em 55%, mas desta vez não nega a posibilidade do combustível ter se derretido completamente, pelo fato da vareta de combustível não manter a sua forma original, por causa do derretimento.

Até o dia 12, a Tepco bombeou cerca 10 mil toneladas de água no vaso de pressão do reator 1 para resfriar o combustível e atualmete estão sendo bombeados 8 toneladas de água por hora na tentativa de encher o vaso, mas segundo a Tepco, “mais de 3 mil toneladas de água está vazando para algum lugar”. A situação é que, a água deve estar vazando da parte inferior do vaso de pressão, para a contenção, e de lá para algum lugar.

Nesta situação, a empresa diz que há necessidade de reformular a estratégia e a Agência de segurança nuclear também observa que “é pouco provável que encha de água até o topo (do combustível)”.

Fonte: SANKEI DIGITAL  1:30hs 13/05/2011

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/05/2011 em Diversos

 

Tags: ,

Desafios para a descontaminação do solo contaminado em Fukushima.

Desafios para a concretização: Plantação de brocolines (Brassica rapa var. nippo-oleifera) para a descontaminação do solo que foi contaminado com material radioativo.

Ministério da Agricultura iniciou a pesquisa sobre a plantação de brocolines (Brassica rapa var. nippo-oleifera) – legume da família brassicae, para a descontaminação do solo contaminado com material radioativo.
Brassica rapa var. nippo-oleifera
Já foram iniciados os trabalhos preparativos para a aplicação no Japão, de um projeto de plantio de brocolines que vem sendo executado a alguns anos no Distrito de Narodich que fica na região norte da Ucrânia (então parte da União Soviética), para a descontaminação do solo contaminado no desastre nuclear de Chernobyl.

O Misnistério da Agricultura enviou um grupo de funcionários para a Ucrânia para coletar dados relacionados a obsorção de materiais radioativos (radioatividade) pelos brocolines. Porém já são visíveis os desafios na aplicação do projeto nas áreas atingidas pelo desastre nuclear da Usina Daiichi de Fukushima.

O Vice-Ministro da Agricultura, Takashi Shinohara, que havia visitado o Distrito de Narodich, onde estão sendo realizados os experimentos de descontaminação do solo através do plantio de brocolines, revelou que: “Lá existem uma pilha de dados. Os pesquisadores japoneses irão estudar os resultados dos Institutos de Pesquisa local, para efetuar pesquisa de acordo com a situação do Japão”.

Narodich fica a 70 Km ao leste da Central nuclear de Chernobyl, e mesmo agora, após terem passado 25 anos do desastre ocorrido em 1986, ainda são proibidos o plantio de culturas alimentares em 95% da área do Distrito.

O experimento de descontaminação vem sendo executado desde o ano de 2007, pela NPO (organização sem fins lucrativos)[Assitência a Chernobyl / Chubu] de Nagóia em cooperação conjunta com Universidade local.

Os vegetais absorvem o Potássio dissolvido na umidade do solo durante o crescimento. E dentre os vegetais, a quantidade de absorção do Potássio pelos brocolines e girassóis é grande. Este experimento focaliza o fato da natureza química do Potássio e Césio serem parecidos e aproveitou esta semelhança, fazendo a brocoline absorver o Césio radioativo, que é confundido com o Potássio.

No experimento, as sementes colhidas são transformadas em biodiesel, o bagaço e as folhas em biogás que são purificados. Não foram detectados materiais radioativos de ambos.

Além disso, no 1º ano foram plantados brocolines, no 2º ano foram cultivados o centeio e no 3º ano foram cultivados o trigo sarraceno (soba), nos quais o material radioativo contido na colheita diminuiu até menos que a metade em 3 anos, comparados aos que foram produzidos em solos intocados após a contaminação. Como o material radioativo contido no solo se infiltra ao longo do tempo, será repetido o ciclo do plantio, plantando novamente os brocolines no 4º ano.

Quando se repetem o plantio dos brocolines e o trigo sarraceno todos os anos no mesmo solo, ocorre a [falha de replantio] causando deficiência de crescimento. O Diretor da NPO, Masaharu Kawada, tem a espectativa de que “O nível de contaminação diminuirá gradualmente ao cultivar alternadamente os brocolines e o trigo. Possiblitará uma nova agricultura evitando a falha de replantio, além de possibilitar o uso do trigo como ração para os animais domésticos” .

Porém há desafios como a manipulação dos bagaços dos caules, folhas e sementes, que mesmo transformados em biogás, saem águas residuais contendo material radioativo. O experimento de adsorção de águas residuais em adsorventes para tornar a contaminação radioativa em baixo nível, foi bem sucedido, no entanto ainda não chegou ao ponto de serem aplicados na prática.

Além disso, como as condições de contaminação difere do Japão, não se sabe se serão obtidos resultados semelhantes. A dose de radiação na superfície do solo da plantação de brocolines em Narodich é de 0,6 a 1,0 microsievert/h. O Diretor Kawada acha que em Fukushima há áreas contaminadas acima deste nível.

Por outro lado, tem-se a espectativa de que, comparados à Narodich onde o material radioativo já está infiltrado numa profundidade de 20 a 40cm sendo difícil disolver em água, em Fukushima onde o desastre nuclear ainda é recente, os materiais radioativos estão concentrados na superfície podendo ser facilmente absorvido pelas plantas.

O Diretor aponta que “Será necessária medidas minunciosas e adequadas de acordo com o grau de contaminação”. E comentou, que depois disso, “Para plantar os brocolines de fato, as medidas de manipulação dos caules e folhas têm que ser definido. Mas de qualquer forma, é melhor absorver os materiais radioativos o mais rápido possível, antes que se infiltrem profundamente”.

O Ministério da Agricultira “Considera como uma das opções” (Ministro Michihiko Shikano) e estão apressando a coleta de dados.

Fonte : SANKEI DIGITAL INC. 03/05/2011 22:09hs


Num futuro próximo, veremos vastas plantações de brocolines e as suas flores amarelas fazendo contraste com o céu azul lindo de Fukushima…

 
Deixe um comentário

Publicado por em 12/05/2011 em Diversos